Granola Gulosa

Uma partilha
Chove lá fora. De uma forma a que já não estava habituada. Se na minha infância, grande parte dos dias de inverno eram vivenciados no conforto do lar, ao borralho, a pintar desenhos com a minha mãe e alguns tios, ou a torrar pão directamente no fogão a lenha, nos últimos anos os Invernos têm convidado a aquecer a alma em actividades outdoor brindadas pelo sol. Os tempos andam estranhos, isso é ponto assente. Depois de um Verão extremamente seco, dos incêndios e da falta de precipitação, a minha cidade tem vivido sob o pesadelo da seca extrema. É verdade que ainda não faltou água nas torneiras, mas a pressão começou a diminuir. Sentiu-se no ar a ameaça e as questões começaram a surgir? Será que vamos ter água no Verão? Como poderemos adoptar novos comportamentos de utilização de água? Como faremos face a eventuais fogos que possam ocorrer? Como iremos cozinhar, lavar roupa, tratar de todas a tarefas diárias? A verdade é só uma, dependemos da mãe natureza e não nos temos portado bem para com ela. Durante anos, tratámos este planeta como lixo, desposemos dos recursos naturais como se eles durassem para sempre. Fico feliz que cada vez mais instituições, ONG's, empresas e grupos de cidadãos alertem para a nova realidade que se vive, nomeadamente a do aquecimento global e de todos os problemas que este acarreta. Fico feliz que cada vez mais pessoas comecem a adquirir novos comportamentos, mais respeitosos para com a única casa que temos. No que me toca, sei que ainda tenho um longo caminho para fazer. Sei que posso ter uma pegada mais sustentável. Tenho lido muita informação, e estou sempre aberta a novas sugestões. 



 Para abafar um pouco as preocupações e dar algum alento, Fevereiro terminou com o melhor dos tesouros, uma chuva que promete abastecer barragens, animar os prados. As diferenças já se começam a notar. Por exemplo, o meu jardim começa a ganhar um verde de vida, convidando os pardais a chafurdar nas pequenas poças que se formam e bebericar dos galhos "pingosos".  Sabe bem acordar e tomar o pequeno-almoço à janela, a observar este cenário de vida, de um novo ciclo que tem início. Esta é a chuva necessária para que a Primavera chegue viçosa e florida. Por isso, chove lá fora, de uma forma a que já não estava habituada, mas isso deixa-me feliz e sem depressões meteorológicas. Sê bem-vinda chuva. Março, continua-nos a brindar com este ouro transparente. 





Granola Gulosa

Ingredientes
100g de manteiga (mais um pouco para untar)
100ml de mel (tenho usado mel Castanheiro Velho, da zona de Penedono)
2 colheres de sopa de açúcar mascavado
2 colheres de sobremesa (bem cheias) de cacau cru
400g de flocos de aveia finos
100g de sementes de girassol
100g de sementes de abóbora
100g de sementes de sésamo
200g de banana e ananás desidratado
100gr de passas
100gr de coco seco e ralado

Pre-aquecemos o forno a 180ºC. Untamos um tabuleiro com manteiga, cobrimos com papel vegetal e reservamos. Num tacho pequeno, juntamos o mel, a manteiga, o açúcar. e o cacau cru. Deixamos cozinhar alguns minutos, em lume brando, até os ingredientes derreterem e começarem a borbulhar ligeiramente. Numa tigela, misturamos os flocos de aveia com as sementes. Adicionamos a mistura da manteiga e do cacau derretidos e envolvemos bem. Vertemos no tabuleiro e espalhamos numa camada única. Levamos ao forno durante 35 minutos. Atenção que de 10 em 10 minutos temos de mexer a mistura, para que ela fique toda cozinhada. Tiramos do forno e juntamos a fruta desidratada e o coco. Deixamos arrefecer e guardamos em frascos herméticos. Esta receita conserva-se até 4 semanas.




Próximo publicaçãoMensagem mais recente Publicação anteriorMensagem antiga Página inicial

1 A partilhar sensações:

Clara Brito disse...

Gosto tanto de comer granola com iogurte.
Que bom aspeto.

Beijinhos,
Clarinha
https://receitasetruquesdaclarinha.blogspot.pt/