Clafoutis de Kiwi

Partilha a tua sensação
Chamava-se Quinta da Regateira e era um dos sítios mais lindos da aldeia onde cresci. A frente do casario dava para a rua principal. Alta, imponente, comprida e colada às demais casas, a fachada não permitia vislumbrar o que se escondia atrás do granito. Mas para lá do gigante portão de madeira velho, meio carcomido pelo caruncho, estava todo um mundo de diversão rural. Um pátio rústico decorado com máquinas agrícolas e um tanque de pedra soberbo que aos meus olhos de menina mais parecia uma piscina. Tudo era motivo de brincadeira e de admiração. Lembro-me de pegar em coelhos bebés, brancos como a neve. Lembro-me do cheiro estranho a batatas poeirentas guardadas há muito tempo, misturado com um aroma a restos de vinho. Um odor estranho mas ao mesmo tempo delicioso, que emanava da terra, que emanava das plantas que também embelezavam o pátio de cimento bruto. De sublinhar que ao crescer no campo sempre passei por diversas quintas, sempre estive em contacto com animais e produtos agrícolas. Todavia, aquele espaço tinha algo mais. Adorava cada vez que a minha mãe decidia ir até aquele sítio mágico. Lembro-me que na altura dos Kiwis, a romaria era certa. Quando chegávamos, eu encostava-me ao portão grande e puxava um arame, que por sua vez accionava uma espécie de sineta. Vínhamos de lá com o braçado cheio. Hoje em dia, essa Quinta, embora ainda exista, é para mim apenas uma recordação bonita de infância. E quando este fim-de-semana a minha mãe me trouxe um cabaz de Kiwis, produção caseira, do meu campo, a minha memória regrediu para o passado com saudade. E o passado precisa sempre de um presente e de um futuro docinho. Espero que gostem deste Clafoutis de Kiwi. Simples de fazer, mais fácil ainda de degustar.






Ingredientes
4 ovos
150gr de açúcar
100gr de farinha autolevedante
200ml de natas
8 kiwis

Batemos os ovos com o açúcar até obter um preparado fofo e esbranquiçado. Juntamos a farinha e as natas, mexemos bem e deixamos descansar cerca de uma hora. Forramos o fundo de 10 formas pequenas com papel vegetal e untamos com manteiga. Colocamos os kiwis previamente descascados e cortados às rodelas no fundo das formas. Vertemos o preparado nas formas e levamos ao forno, pré-aquecido a 180º, entre 30 a 40 minutos. Retiramos os clafoutis do forno e deixamos arrefecer um pouco antes de desenformarmos. Podem ser acompanhados com natas espesas ou doce de Kiwi.


Próximo publicaçãoMensagem mais recente Publicação anteriorMensagem antiga Página inicial

0 A partilhar sensações: