As receitas mais lidas de 2017

Partilha a tua sensação
Já chegámos à última sexta-feira do ano. Como é que o tempo passou assim tão depressa? Sei que este espanto é recorrente, mas parece que quanto mais corremos entre tarefas, mais a vida se apressa em horas, dias e meses. Entre a mudança de casa, a adopção de uma cadelinha, a criação do calendário do Reservatório de Sensações e ter-me metido num mestrado, confesso que o tempo fugiu de mim. Contudo, é bom perceber que não passou em vão. Antes pelo contrário, apesar de 2017 não ter sido um ano bom, trouxe com ele algumas realizações e acima de tudo trouxe muita reflexão sobre assuntos que até aqui não tinha coragem de abordar. Por mais que custe, às vezes a melhor forma de melhorarmos o caminho é perceber o que está mal, o que necessita de ser mudado. Muitas vezes essa mudança tem de começar de dentro para fora. Talvez por isso sair da zona de conforto foi talvez a acção a que mais me propus neste ano que finda.  Apesar de achar que nem sempre me sai bem, foi refrescante tentar, aprendi imenso, cresci, tornei-me melhor, admiti erros, e percebi que fazer escolhas às vezes dificeis faz parte do processo de defesa pessoal e não uma falha. Em relaçao ao blogue, foi um bom ano, repleto de novas sensações. Por isso, uma das coisas que mais me agrada no final de cada ano, é olhar para as imagens que fui partilhando, perceber em que cores me inspirei, que texturas mais agradaram a quem me lê, que cheiros me deliciaram. Em 2017, à conta do Reservatório de Sensações conheci pessoas boas, inspiradoras, que me fizeram sonhar. Só posso estar agradecida por isso. Em jeito de balancete do blogue, partilho as receitas que foram mais vistas em 2017. Obrigada por estarem desse lado.


1 - 2 - 3 - 4
5 - 6 - 7 - 8
9 - 10 - 11 - 12
Próximo publicaçãoMensagem mais recente Publicação anteriorMensagem antiga Página inicial

0 A partilhar sensações: