Cocktail de Natal

2 sensações partilhadas
Não sou daquelas pessoas que defende que uma festa para ser digna de tal tem de ser regada com álcool. Apesar de já ter laborado na área vinícola e de apreciar um bom vinho, prefiro regar os meus convívios com sumos naturais e infusões. Claro que abro sempre excepções a rótulos especiais, a bebidas que possam suscitar a minha curiosidade (e eu sou muito curiosa) e aos licores da mãe (que são os melhores do mundo). Não obstante esta minha visão pessoal e a minha falta de jeito para a criação de cocktails, decidi que para esta quadra natalícia podia aventurar-me a brincar um bocadinho aos bartenders, para tentar dar uma outra cor às festas.



Peguei no computador e efectuei algumas pesquisas sobre cocktails de Natal. O meu ecrã rapidamente foi preenchido por arandos e arandos e arandos, citrinos e vodka. Arandos não é bem a minha praia, pois associo-os a sumos naturais para prevenção de infecções urinárias. Por isso, nem pensar em tentar criar um cokctail de natal do Reservatório de Sensações que fique associado a doenças. Mas enquanto visualizava imagens lindas de outras paragens típicas dos natais do norte da europa, lembrei-me logo de outro fruto da estação, que também tem pintado o meu campo de vermelho. As belas das romãs.  



Quem não gosta de sumo de romã? Cá em casa o pai tem reforçado o sistema imunitário com um preparado de romã que ele faz com todo o carinho. Portanto, este sumo é algo já muito familiar, que partilhamos com gosto. Ao início quando o pai começou a confeccionar este sumo natural, custava sentir a aspereza da romã a passar pela garganta. Mas julgo que é uma daquelas experiências que primeiro se estranha e depois se entranha. Neste momento, as árvores do meu pomar estão completamente carregadas deste belo fruto e tenho a certeza que alguns dos frutos se vão aguentar até às festas. Assim sendo, acho que já encontrei o meu cocktail para esta quadra natalícia, assente num fruto que tanto une a família.

Cocktail de Natal

Ingredientes (para duas pessoas)
100ml de sumo de romã
100gr de açúcar amarelo
sumo de 1 limão
1/2 raiz de gengibre média (ralada)
40ml de aguardente
0,25l de água com gás

Descascamos as romãs e transformamos os bagos em sumo. Após obtermos 100ml de sumo de romã, pegamos numa caçarola e juntamos o sumo, o açúcar, o gengibre ralado e o sumo de limão. Levamos a lume médio e deixamos o açúcar dissolver até formar um syrup. Retiramos do lume, deixamos arrefecer e passamos a mistura por um coador. Colocamos o syrup num jarro, adicionamos a aguardente e a água com gás. Podemos servir com rodelas de limão, bagos de romã e gelo.





Próximo publicaçãoMensagem mais recente Publicação anteriorMensagem antiga Página inicial

2 A partilhar sensações:

Swonkie disse...

Olá :) Enviamos um convite para o teu email.
Contamos contigo? :)

Ana disse...

Olá Swonkie. Obrigada pelo comentário, mas não recebi qualquer convite no email. Fico a aguardar :)