Lasanha de Cogumelos Marron (com lembretes positivos)

Partilha a tua sensação
Sou leitora assídua do Às 9 no meu blogue. Gosto das palavras que por lá vou encontrando. A Sofia tem a capacidade de,  forma bonita e poética, nos relembrar de alguns conselhos, que tantas vezes oferecemos aos outros, mas que insistimos em não aplicar nas nossas vidas, no nosso dia-a-dia.

No outro dia deparei-me com a seguinte frase: "Tenho a coragem de educar a minha cabeça a procurar um único ponto de equilíbrio: o meu." Parece simples, certo? Se vivemos na nossa pele, parece lógico que queiramos existir de forma equilibrada. Mas quantas vezes nos deixamos ultrapassar por um trabalho com trejeitos de bulliyng, pela falta de tempo que escapa por entre rotinas sem sentido, pelas críticas de quem não vive na nossa pele, por um sentimento que não encaixa no nosso coração, por necessidades que atropelam o que realmente precisamos? Quantas vezes adiamos o nosso futuro? Quantas vezes chegamos a casa ao final do dia com as lágrimas encostadas à alma e dizemos: é só hoje, amanhã tudo será diferente. Porém, continuamos a empurrar com a barriga as questões que nos apoquentam e incendeiam a alma.



Eliminar o que alimenta a toxicidade da vida é uma tarefa complicada. Exige muitas vezes decisões duras, respostas directas e um sentimento de coragem gigante. Atitudes que podem ser confundidas com egoísmo. Mas será egoísmo lutar pelo amor próprio, lutar por respirar um ar mentalmente saudável? Na verdade não há outra maneira de agarrar o futuro, nem de deixar fluir a vida.

Confesso que às vezes me esqueço disto. Perco da lembrança que a vida é efémera, que necessita de um cuidado permanente e de mimos constantes. Às vezes tenho de recordar que viver não é apenas existir. Viver é saborear os dias que se vestem de respeito por quem somos. Viver é acreditar que possuímos as capacidades para concretizar sonhos. Viver é serenar no amor de quem reconhece o nosso amor próprio. Vou ali viver um bocadinho, respirar, aprender mais sobre mim mesma, namorar.





Ingredientes
1 cebola picada
2 dentes de alho
250gr de Cogumelos frescos Marron
3 colheres de sopa de azeite
sal e pimenta
1 pacote de molho bechamel
1 pacote de natas ou de soja
queijo parmesão ralado
pão ralado q.b.
massa fresca para lasanha

Alouramos em azeite a cebola e o alho. Adicionamos os cogumelos e salteamos durante dois minutos. Juntamos um pacote de natas e deixamos apurar. Cobrimos o fundo de um tabuleiro com um pouco deste recheio. Dispomos sobre ele uma camada de massa fresca para lasanha. Repetimos este processo até esgotarmos o recheio. A última camada deve ser de massa. Cobrimos com o molho bechamel, o queijo ralado e o pão ralado. Levamos ao forno pré aquecido a 180ºC durante cerca de 45 minutos.




Próximo publicaçãoMensagem mais recente Publicação anteriorMensagem antiga Página inicial

0 A partilhar sensações: