Um projecto para o qual podemos contribuir

Uma partilha
(Aqui fica a referência a um projecto interessante e que vale a pena)


Miguel Horta – "A cor das histórias"

"Meus Amigos,

Penso que saberão que venho desenvolvendo um projecto de mediação do livro e da leitura em estabelecimentos prisionais a que chamei de "A cor das histórias". Um espaço de comunicação e desenvolvimento da Literacia, competência fundamental para uma Cidadania plena. Uma parceria entre a Direcção Geral dos Serviços Prisionais e a Direcção Geral do Livro e das Bibliotecas (somos alguns a fazer este trabalho pelo país...).
Actualmente trabalho com reclusos no E.P. Montijo, E.P. Setúbal e E.P. Odemira ( feminina), em pequenas bibliotecas prisionais. Apesar dos esforços das respectivas tutelas, o acervo destas bibliotecas encontra-se empobrecido, muito pouco actual, não respondendo sempre às necessidades de leitura. De salientar o interesse que as Bibliotecas Municipais vêm desenvolvendo sobre estes espaços de leitura...

Venho propor-vos uma doação. Sim, de livros de qualidade, respeitando os diferentes níveis de literacia que encontramos no universo prisional. Também a origem destas nossas gentes é variada: muitos vêm do Brasil, outros têm origem Crioula e alguns estrangeiros (leste, latina América, França, Alemanha e Espanha...) . No caso do E.P.R. Odemira, trata-se de uma prisão feminina: obedecerá a uma escolha distinta?
A vossa escolha deverá seguir uma intuição fina, vestindo a pele do mediador em Estabelecimento Prisional...tarefa difícil, esta de imaginar a nossa tarefa...
Temos falta de banda desenhada de qualidade, poesia e prosa actual (sem esquecer autores africanos) ... Os contos têm sempre um grande impacto. Mas a vossa imaginação nas escolhas pode propor outros caminhos...
Se quiserem, podem deixar uma dedicatória singela e positiva a estes leitores e leitoras...

Peço que só reencaminhem esta mensagem a quem entenda bem a natureza do nosso projecto.
Poucos livros, mas bons, gerando caminhos férteis e propostas de trabalho.

Para envio de livros: Miguel Horta – " A cor das histórias" – Rua Graça Pina de Morais – Armazém 50 – 2820-497 Charneca da Caparica. Ou: directamente para os Estabelecimentos Prisionais mencionados com a referência do projecto.

Um abraço e obrigado...

Miguel Horta"
Próximo publicaçãoMensagem mais recente Publicação anteriorMensagem antiga Página inicial

1 A partilhar sensações:

gaivina disse...

Obrigado por divugar este projecto.
um abraço
Miguel Horta