Today

Partilha a tua sensação
Hoje, não foi hoje. Foram muitos dias, concentrados em poucas horas, naquelas horas urdidas por infindáveis minutos e irritantes segundos. Hoje, vivi o presente e não só. Voltei a abrir caminho rumo ao passado, sempre com o olhar e o sentido lógico pousado no futuro. Hoje, não foi hoje. Houve ontem, o daqui a pouco, até daqui a uns tempos e um “ai Deus me acuda”. O hoje foi uma pessoa cansada, foi mentiras descaradas, distâncias que nunca mais serão extintas. Uma fusão desfragmentada, desmembrada entre alegria ingénua e uma tristeza infundada.

E, talvez por isto tudo, o hoje não faça sentido.
Próximo publicaçãoMensagem mais recente Publicação anteriorMensagem antiga Página inicial

0 A partilhar sensações: